A vida é melhor de óculos

8% OFF PAGAMENTO POR PIX

Frete Grátis nas compras acima de R$149

Olá,Bem vindo!
Conta e pedidos
Cliente novo?Cadastre-se

Ir para Carrinho

Adicionado com sucesso!

Estrabismo, também conhecido como desvio manifesto, tropia ou "vesguice" trata-se de um tipo de alteração ocular que desalinha os olhos para direções diferentes causando a perda do alinhamento ocular, a perda do paralelismo dos olhos. Ocorre que há seis pares de músculos extra oculares que controlam os movimentos, estes pares de músculos encontram-se presos na parte externa de cada globo ocular. Dois destes músculos são encarregados de movimentar o olho nas direções direita e esquerda e outros quatro músculos são encarregados do movimento ocular para cima ou para baixo. Para que tenhamos os alinhamento e foco num ponto, todos estes músculos devem estar em perfeito equilíbrio de forças, quando isto não acontece e por algum motivo os músculos oculares não trabalham em conjunto acontece o estrabismo.

O Estrabismo é causado pelo desalinhamento destes músculos oculares que são controlados pelo cérebro. Este desvio nos olhos pode se apresentar de formas variadas, pode ser constante e sempre notado, pode ser dar em apenas um dos olhos estando este virado para dentro, para cima, para fora ou para baixo.

Apesar de saber-se que o não funcionamento em conjunto destes músculos oculares causa o problema o motivo que faz com que estes músculos não desempenhem corretamente suas funções ainda é desconhecida, sabe-s portanto que uma das causas pode ser uma predisposição genética mas também existem diversos casos registrados em que essa predisposição genética é nula, disfunções cerebrais, e doenças que alterem o funcionamento do cérebro também podem originar o problema. O aparecimento é mais comum na infância, porém, é possível adquirir o problema na idade adulta.

Visão dupla, piscadas constantes, inclinação da cabeça para ver, embaçamento visual e piscadas constantes podem ser sintomas de estrabismo. Em caso de suspeita é necessário o acompanhamento oftalmológico com exames clínicos específicos para um diagnóstico preciso da causa e do tratamento.